Novo Quinteto

 


Baixe grátis o quicktime player.

 

Nos primeiros anos da década de 1950, o maestro Radamés Gnattali organizou seu quinteto, reunindo músicos de qualidade excepcional. O próprio Radamés ao piano, Chiquinho do Acordeom, Zé Menezes na guitarra e outras cordas, Pedro Vidal no contrabaixo e Luciano Perrone na bateria.

O Quinteto Radamés Gnattali atuou regularmente na Rádio Nacional, gravou com vários cantores e também em discos instrumentais. Em 1985 quando se preparava para comemorar seus 80 anos, Radamés remontou o Quinteto para memoráveis apresentações no Rio, São Paulo e Brasília. Em suma, foi um dos trabalhos que mais realizaram Radamés e pelo qual ele tinha grande carinho.

Pouco antes de morrer em fevereiro de 1993, Chiquinho que era o arquivista do Quinteto, pediu que entregassem o material do grupo (arranjos, cópias, etc) para Henrique Cazes, pois achava que este não deixaria a idéia morrer.

Surge agora o Novo Quinteto, reunindo músicos que há anos pesquisam a linguagem de Radamés: Maria Teresa Madeira no piano, Marcos Nimrichter no acordeom, Oscar Bolão na bateria, Omar Cavalheiro no contrabaixo e naturalmente, Henrique Cazes na guitarra elétrica.

O repertório do Novo Quinteto é de arranjos originais, boa parte deles inédita. O grupo tem planos de lançar seu primeiro CD nas comemorações do centenário doe Radamés Gnattali, em 2006.